20.6.11

A viagem de Dante

Da selva obscura à contemplação de Deus: o percurso de uma viagem ideal para além do universo conhecido. A viagem de Dante para se libertar das catastróficas consequências do pecado e alcançar a beatitude eterna da contemplação de Deus, ocorre ao longo de um percurso constantemente orientado para esquerda, no inferno, e para direita na subida da montanha do purgatório.
Dallo smarrimento nella selva oscura alla contemplazione di Dio: il percorso di un viaggio ideale entro ed oltre i confini dell’universo conosciuto.
Il viaggio di Dante per liberarsi dalle catastrofiche conseguenze del peccato e raggiungere la beatitudine eterna della contemplazione di Dio, avviene lungo un percorso costantemente rivolto verso sinistra, nell’inferno, e nella opposta direzione, sempre girando verso destra, nella salita del purgatorio.

Os passos do poeta nos dois primeiros reinos, com a paterna guia de Virgílio, desenham, portanto, uma espiral horária, no inferno e uma anti-horária, no purgatório. Dante com certeza imaginava um preciso significado alegórico-moral ao indicar estas duas opostas direções. Lembramos que Dante percebe que se encontra numa selva obscura, tendo perdido a 'direta via', a que segue as virtudes e foge dos vícios.
I passi del poeta nei primi due regni, sotto l’amorevole e paterna guida di Virgilio, disegnano pertanto, nel loro complesso, una linea spirale in senso orario (verso sinistra) nell’inferno, ed antiorario (verso destra) nel purgatorio. Sicuramente Dante aveva in mente un preciso significato allegorico - morale, indicando queste due opposte direzioni. Teniamo presente che Dante si accorge di trovarsi in una selva oscura, avendo smarrito ‘la diritta via’, quella che segue la virtù e fugge i vizi.

Ainda hoje, direta e direita são empregados como sinónimos. com valor simbólico de 'justo, bom'; o contrário para esquerda, que indica um valor 'errado, desfavorável'. Estes valores, na época, deviam ser muito mais fortes que hoje. Rodar em direção a direita parece, portanto, consoante com um percurso de libertação do pecado, como acontece no purgatório, enquanto na descida para o inferno ocorre o contrário, para conduzir Dante à visão direta e cada vez mais pesada das extremas consequências do pecado, para que possa encontrar a força e a determinação para livrar-se dele.
Ancor oggi destra e diritta sono usati come sinonimi, con un valore simbolico di ‘giusto, corretto, buono’; il contrario per sinistra, connotata da un valore negativo di ‘erroneo, sbagliato, sfavorevole’. Valori che, all’epoca, dovevano essere molto più forti d’oggi. Girare verso destra, appare pertanto consono al percorso di purificazione dal peccato, seguito nelle cornici del purgatorio, mentre la discesa all’inferno avviene in senso opposto, dovendo portare Dante alla visione diretta e sempre più penosa delle estreme e nefaste conseguenze del peccato, per trovare la forza e la determinazione di liberarsene.

Alcançado o paraíso terrestre, já completamente purificado e liberado também da lembrança dos pecados cometidos, Dante transcende os limites físicos humanos numa ascensão direta para o alto e completamente livre de uma constrição gravitacional e de qualquer limite espaço-temporal.
Giunto al paradiso terrestre, ormai completamente purificato e libero anche dal ricordo dei peccati commessi, Dante trascende i limiti fisici umani in una ascensione diretta verso l’alto e del tutto libera da ogni costrizione gravitazionale e da ogni limite spazio-temporale.

Nenhum comentário:

Postar um comentário